Você já conversou com seu filho sobre chuva negra, hoje?

Sim, é de suma importância. Toda criança precisa saber que, quando uma mulher coloca-se sobre ele, de pé e com as pernas abertas, ela irá cagar sobre seu peito e rosto. Claro, ela pode, apenas, mijar. Mas aí, você precisará reservar um outro dia da semana para conversar com sua cria, pois isso é a chuva dourada – Golden Shower, se seus filhos forem mais descolados.

É impressionante como a sociedade atual consegue inventar preocupações sobre novas coisas, dia após dia. Quando eu ainda era novo, a preocupação era a maconha. Daí, a cocaína. Nem tive tempo de me preocupar com alcoolismo, já que quando fui notar o que isso poderia ser, já havia dado meus primeiros goles – não de forma inadvertida sobre as consequências, que fique claro. AIDS, gravidez indesejada, nunca mirar nos olhos da garota e os males do cigarro vieram pouco depois.

Os pais não têm obrigação de contar tudo sobre tudo aos filhos. Nem a escola. Nem os amigos, as namoradas, ninguém. O poder de assimilação de ameaças é necessário a sobrevivência de qualquer ser vivo. Se eu fumar demais, posso morrer? E se beber água demais? O que acontece se eu participar de uma suruba com gorilas? Será mesmo que tudo isso precisa ser explicado a uma criança, ou pior ainda, a um adolescente? Costuma-se aprender tudo sozinho.

A moda agora é “precisar” falar com os filhos sobre o crack. Na boa? A molecada já sabe o que é, o que faz, quanto custa e onde vende. A mesma coisa com qualquer outra droga, igreja ou coisa similar. Se ela se interessar, depois de consultar os amigos e o Google, vai decidir se experimenta ou não, se vale a pena ou não. Os pais só vão descobrir caso a criança conte, seja vista ou morra de overdose. E como podem imaginar, aí, já é tarde.

Portanto, parem de tomar a pílula, bota a camisinha (bota pra valer) e dêem a seus filhos a chance de se foderem sozinhos. Isso vai acabar acontecendo, de um jeito ou de outro, e o final da história será sempre o mesmo: onde eu errei? 

Tags: , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: