Archive for outubro \25\UTC 2012

O Corinthians do Bi-Mundial

25 de outubro de 2012

Há pouco mais de 40 dias da estreia do Corinthians no Mundial de Clubes da FIFA, o técnico Tite divulgou uma lista com 35 nomes de atletas que estão em uma pré-lista do torneio, por exigência da entidade máxima do futebol. Evidentemente, o gaúcho que levou o clube ao inédito título da Libertadores, não possui 35 jogadores em seus planos. Por isso, incluiu jogadores que ainda não chegaram às categorias principais, para completar o número pedido. O chinês Zizao, que só jogou por 13 minutos, diante o Cruzeiro, possui muito carisma vindo dos torcedores, mas evidentemente não irá para o Japão. Tite já disse, mais de uma vez, que a equipe titular do Corinthians para o Mundial irá “se formar a medida que os jogos restantes do Campeonato Brasileiro de 2012 forem acontecendo. O desempenho de cada um dirá”. Ou seja, sabemos que tem poucas dúvidas em relação ao time ideal – sabemos que, com ele, não há uma equipe titular, absoluta.

Listo, abaixo, os 23 jogadores que, na minha opinião, farão parte da equipe que parte para o Japão em busca do segundo título mundial, reconhecido pela Fifa. Após isso, a montagem de um time “titular”, daqueles que começam a partida, mas que rotineiramente são alterados ao longo do jogo.

Goleiros:
Cássio
Júlio César
Matheus

Defensores:
Chicão
Paulo André
Anderson Polga
Wallace
Alessandro
Fábio Santos
Welder

Meio campistas:
Douglas
Danilo
Paulinho
Ralf
Guilherme
Edenílson
Ramírez

Atacantes:
Emerson
Romarinho
Martínez
Jorge Henrique
Guerrero
Adílson

Jorge Henrique perdeu espaço para Romarinho, que cumpre as mesmas funções, mas faz gols. Douglas se tornou indispensável, e consegue jogar com Danilo, sem maiores problemas. Ainda é cedo para escalar Guerrero e Martínez como titulares absolutos.

Anúncios

O que tocou no casamento? (Quase) tudo o que quisemos

24 de outubro de 2012

Tudo bem que lá se vão mais de 4 meses, mas posso dizer que a coisa mais bacana daquele turbilhão que foi a organização dos detalhes do casamento, foi a decisão que eu e a Marcia tomamos de escolhermos o que iria tocar na festa. Não apenas os estilos musicais, mas as músicas em si. Tudo foi pensado para fazer com que se os ânimos estivessem alterados (pela bebida ou pelo cansaço da cerimônia / fotos / cumprimetos e da própria festa), pudéssemos curtir, ao menos, o som que estava tocando.

Confesso que a última das minhas preocupações foi “escolher músicas que todos pudessem curtir”. A Marcia, sim, pensou nisso. Principalmente após o DJ da festa perguntar “mas e músicas para as pessoas mais velhas curtirem, como avôs e avós? Não vai ter?”. Minha resposta foi algo como “se eles não estiverem gostando, podem ir embora assim que as músicas começarem, ué. O casamento é nosso, então irá tocar o que nós gostamos de ouvir”. Punto e basta. Nossa única exigência foi não ter NADA, absolutamente NADA de pagode e funk. Lembro de ter ouvido aqueles axés dos anos 90, lá pro final da festa, mas o povo já tinha perdido a linha.

Vamos deixar uma coisa bem clara: o DJ foi aquele por imposição do buffet. Segundo eles, por já terem passado por problemas com a Lei do Psiu! e outras coisas, só confiavam nele, e no contrato da festa isso era especificado. O cara tentou dar uma de amigão, dizendo que tocava guitarra, que conhecia a maioria das músicas que havíamos escolhido. Balela. No fim das contas, ele mandou dois “funcionários” dele para a festa, que cagaram para a lista e CD que enviamos dias antes, e acabaram tocando algumas coisas que não estavam em nossa lista. Foi algo em torno de 10% das músicas, mas não chegou a me enervar a ponto de subir na cabine e socar a cara de ninguém. E, claro, nem todas as músicas da lista foram tocadas, por falta de tempo.

A lista abaixo foi feita em janeiro. De lá até junho, mês do casamento, ela mudou em algumas coisas, mas a síntese foi essa, mesmo. Não me julguem por algumas belas canções dessa seleção – afinal de contas, eu casei com uma mulher que viveu intensamente os anos 90. Não vou lembrar, de forma alguma, a sequência das músicas, mas sei que entrei na cerimônia com “Time Of Your Life” (Green Day), e saímos com “Wouldnt It Be Nice?(Beach Boys). Entramos no buffet ao som de “Start Me Up!” (Rolling Stones) e a valsa foi regida por “Baby, I Love You” (Ramones). A pista foi aberta para a festa com “Dancing With Myself” (Billy Idol).

Antes de chegarmos no buffet
Nacionais:

Só tinha de ser com você (Fernanda Porto)
Caleidoscópio (Paralamas do Sucesso)
Mais uma Canção (Los Hermanos)
Meu Erro (Paralamas do Sucesso)
Como nossos pais (Elis Regina)
Chega de Saudade (João Gilberto)
Sozinho (Caetano Veloso)
Sobre o tempo (Pato Fu)
Sinceramente (Cachorro Grande)
Na sua estante (Pitty)
Marvin (Titãs)
Eu sei (Legião Urbana)

Internacionais:
More than Words (Extreme)
Accidentally in Love (Counting Crows)
I’m a believer (Smash Mouth)
Hey Jude (The Beatles)
Wonderwall (Oasis)
You Learn (Alanis Morissette)
Yellow (ColdPlay)
Keep On Loving You (REO Speedwagon)
Crazy for You (Madonna)
2 become 1 (Spice Girls)
I´ll be There for You (Bon Jovi)
Wherever You will go (The Calling)
Sunday Morning (Maroon 5)
Here comes Your Man (Pixies)
Help (The Beatles)
Wouldn’t It Be Nice (Beach Boys)
Always (Bon Jovi)
Don’t get me wrong (The Pretenders)
A Hard Day´s Night (The Beatles)
Look what you’ve done (Jet)
Smile (Lily Allen)
The love you save (Jackson 5)
Sing (Travis)
Fluorescent Adolescent (Arctic Monkeys)
Someday (The Strokes)
Mary Jane’s Last Dance (Tom Petty And The Heartbreakers)

Jantar:
Ring of Fire (Johnny Cash)
Band on the Run (Paul McCartney)
Esperando na Janela (Gilberto Gil)
Blur (Charmless Man)
Corazón Spinado (Santana)
Blowin’ In The Wind (Bob Dylan)
Everybody Wants To Rule The World (Tears For Fears)
Land Down Under (Men at Work)
I Can Hear Music (Beach Boys)

Festa
Sertanejo – sim, teve. O povo bebe, fica tudo mais palatável:
E daí? (Guilherme e Santiago)
A Casa Caiu (Fernando e Sorocaba)
Ai se eu te pego (Michel Teló)
Beijo me liga (João Bosco e Vinícius)
Pega Fogo Cabaré (João Neto e Frederico)
Beber, cair e levantar (?)
Chora me Liga (João Bosco e Vinícius)

Rock:
Rock This Town (Stray Cats)
Rock the Casbah (The Clash)
Could you be the one (Hüsker Dü)
Blame Game (The Manges)
Always on my Mind (Pet Shop Boys)
Just Like Heaven (The Cure)
Ask (The Smiths)
Dont Back Down (The Queers)
Karma Chameleon (Culture Club)
Bizarre Love Triangle (New Order)
Shook Me All Night Long (AC/DC)
Paperback Writer (The Beatles)
Love Shack (B52’s)
Love will tear us apart (Joy Division)
Chasing the Night (Ramones)
99 Red Balloons (Nena)
Kids in America (Kim Wilde)
Lost in the Supermarket (The Clash)
Maniac (Michel Sembelo)
Just a Girl (No Doubt)
Dancing With Myself (Billy Idol)
Rocketship X-M (The Riverdales)
Rock n’ Roll all Night (Kiss)
Last Night (The Strokes)
I drove all night (Roy Orbison)
Burning Love (Elvis Presley)
That Thing You Do (The Wonders)
I’ll Be There For You (Rembrandts)
Friday Im In Love (The Cure)
Take On Me (A-Ha)
Bad Reputation (Joan Jett)
Mr. Brightside (The Killers)
Hate to Say I told You So (The Hives)
Im a Believer (Smash Mouth)
Dont Get Me Wrong (Pretenders)
Footloose (Kenny Loggins)
Stay (Oingo Boingo)
Sweet Dreams (Eurythmics)
Help! (The Beatles)
Walk Like An Egyptian (The Bangles)
Kids in America (Kim Wilde)
Subterranean Homesick Blues (Bob Dylan)

Jovem Guarda e anos 70/80:
Biquíni de Bolinha Amarelinha (Celly Campelo)
Estúpido Cupido (Celly Campelo)
Banho de Lua (Celly Campelo)
Bambolê (Léo Jayme)
Whisky a Go Go (Roupa Nova)
La Bamba (Ritchie Vallens)
Twist and Shout (The Beatles)
Rock around the clock (Bill Haley)
Blue Suede Shoes (Elvis Presley)
Great Balls of Fire (Jerry Le Lewis)
I Fell Good (James Brown)
Celebrate Good Times (Kool & The Gang)
I will Survive (Gloria Gaynor)
YMCA (Village People)
Macho Man (Village People)
Girls Just Wanna Have Fun (Cindy Lauper)

Dance music e black:
Man! I feel like a Woman (Shania Twain)
Ray of Light (Madonna)
Hey Ya (Outkast)
Estoy Aquí Remix (Shakira)
Don´t Stop de Music (Rihanna)
Groove is in the Heart (Dee Lite)
Fireworks (Katy Perry)
Jagger (Maroon 5 & Christina Aguilera)
Party Rock Anthem (LMFAO)
Tik Tok (Ke$ha)
Hot n Cold (Katy Perry)
I got a feeling (Black Eyed Peas)
Gasolina (Daddy Yankee)
Pump it (Black Eyed Peas)
Promiscuous Girl (Nely Furtado)

Trash:
Ah, eu te amo (Sidney Magal)
Não se reprima (Menudos)
Superfantástico (Balão Mágico)
He-Man (Trem da Alegria)
Ilariê (Xuxa)
Pelados em Santos (Mamonas Assassinas)


%d blogueiros gostam disto: